Filipe Nyusi e a falta de informação sobre Cabo Delgado: “De que informação Precisam?

0 107

De que informação os moçambicanos precisam para entender a situação que se vive em Cabo Delgado, desde 05 de Outubro de 2017? Esta é a questão que o Chefe de Estado, Filipe Jacinto Nyusi, se coloca e também faz a “algumas frentes da sociedade” que, de forma recorrente, dizem não informação sobre a real situação do País.

A informação foi tornada pública durante a saudação dos professores ao Chefe de Estado, por ocasião da celebração do Dia do Professor, esta segunda-feira.

Pelo menos 138 escolas, 45 das quais destruídas, foram afectadas desde o início do terrorismo em Cabo Delgado, revelou hoje o Presidente da República. Filipe Nyusi detalhou que, por conseguinte, 61.789 alunos e 1.132 professores estão ameaçados naquele ponto do país. Em Manica e Sofala, os ataques armados causaram a deslocação de 603 famílias, 131 professores afectados e 12 escolas.

“Esta situação não pode continuar assim. E muitas vezes, algumas frentes da sociedade, reclamam de falta de informação. De que informação precisam? Estamos a dizer que pessoas estão a matar, estão a queimar casas, estão a assasinar… O que temos que fazer, é todos moçambicanos, e todos aqueles que nos ajudam, trabalhar para por fim a esta situação de Cabo Delgado.

Refira-se que entre as preocupações que apoquentam a sociedade, está a falta de uma comunicação a nacão por parte de Filipe Nyusi em torno da situação de Cabo Delgado, que esta a seifar vidas e destruindo vária infraestruturas em maior parte da daquela parcela do pais.

Fonte: Carta

Leave A Reply

Your email address will not be published.